terça-feira, 21 de outubro de 2008

Provérbio Indiano num Imã de Geladeira


Acho que já disse aqui, que comecei há algum tempo a colecionar frases de imãs de geladeira. Não sei exatamente porque, mas... aconteceu. Alguma frase me pegou de jeito e pronto.
Eis que esses dias... um dia após eu dar alguns desses mimos para uma amiga, de aniversário, eu ganho uma dessas "frases" de presente também.
Atravessando de manhã, uma rua da Glória no Rio, dou de cara (pasmem!) com um imãnzinho dentro de uma embalagem de plástico. Caído; abandonado; todo molhado... e quase dilacerado.
Evidentemente que tive que resgatá-lo rapidamente e salvá-lo daquele perigo de se extinguir em meio aquela rua enlameada de chuva.
Já pensou o que representaria para mim, deixar mais uma "frase" ser desperdiçada, descartada para o lixo? Ou o que seria perder aquela frase (talvez, importante ou até muito importante) para a minha vida?
Mas a "frase" falava justamente de silêncio:

"Quando falares, cuida para que tuas palavras sejam melhores do que o silêncio."
(Provérbio Indiano)
Uma boa inspiração para quem gosta tanto de falar ou escrever, como eu.
Menina MA


5 comentários:

Joao bosco disse...

Ah. então vc é colecionadora de imãs... de geladeiras.

Menina MA disse...

Sim, seu João... de imãs que tem frases interessantes. Caso encontre alguma perdida por aí, por favor, resgate-a para mim. Obrigada

fabiana disse...

Olá, sou Fabiana. Td bem?
Vi seu perfil no orkut na Fazendo Tese. Como vc estou, nas agruras de um final de tese em Antropologia. Só quem escreve mesmo, um trabalho solitário sabe o quanto é angustiante falar, falar, escrever e nunca saber se se disse tudo.Vc defendeu a sua?
Poderíamos ler as teses. A minha é sobre modelos profissionais e tange a experiencia de objetificação da mulher na midia no olhar das modelos.
Assuntos diferentes, maior distanciamento. Abs,
Fabiana

Menina MA disse...

Olá Fabiana,

Não sou eu que estou nesta comunidade e sim, minha amiga que tb colabora no blog (Menina F). Eu estou escrevendo tb uma dissertação na área da Educação. Acho bem interessante o assunto do qual vc está tratando. Poderia mandar um resumo pra gente e colocaríamos algo à respeito (o que acha de publicar algo aqui..) Vc poderia ter outros contatos e pessoas que poderiam dar outras idéias.
Em suma, escrever é um parto... um tanto dolorido, às vezes. Tem um filósofo da linguagem que me ajuda a refletir bastante sobre a minha escrita: Bakhtin. (Se puder, tente ler algo dele)
Abraço

Menina F disse...

Oi, Fabiana, vou responder ao seu comentário aqui msm. Mas, deixa o seu contato de email para a gente se encontrar, nem que seja por aqui... No mundo internético!
Sim, já defendi a tese e agora estou numa virada de tema... acabei de chegar da Anpocs com boas idéias e a coragem renovada!
Sim, podemos ler as teses e fique á vontade para participar do nosso blog.
Um beijo!
Flávia